Sejam Bem Vind@s!Este é seu espaço na internet! Aqui você encontra dicas dos melhores sites para suas pesquisas,diversão, atividades realizadas por vocês em todas as disciplinas. Nosso blog é feito especialmente para você e por você...Participe!
Além desta página inicial visite as demais páginas , Quem somos, Nossa História, Filosofia,Objetivo, Metodologia,Projetos, Eventos, Família, alunos e Eventos é só clicar na barra de páginas!
Visite também ao final desta página os arquivos do Blog dos anos anteriores, mês a mês.

Pesquisar este blog

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Experiências de Ciências - 5º ano tarde

Centro de gravidade com pregos
Experiência feita pelo aluno Davi da turma do 5º ano da tarde na aula de Ciências.
            O centro de gravidade de um objeto é o ponto onde se pode supor que toda sua massa esteja concentrada.
            Coloque um prego num pedaço pequeno de  madeira.
            Depois ponha um prego na horizontal e os outros irão deitar por cima dele, como se fosse um travesseiro.             Um prego para cada lado.
            Faça isso até que 10 pregos estejam deitados sobre 1 e finalize com um prego deitado por cima de todo conjunto.
            Agora é só colocar com cuidado o conjunto de pregos sobre aquele que está na madeira.
            Neste experimento aprendemos e comprovamos a existência do centro de gravidade. Centro de gravidade é o resultado da média de todo o peso que um objeto exerce.

            Organize os pregos de modo que o centro de gravidade ficou abaixo do ponto de apoio, facilitando o equilíbrio.

            Se o conjunto for apoiado um pouco mais para qualquer um dos lados ele cairá. Somente ficará equilibrado se o apoio for exatamente no centro de gravidade.

Lâmpada de lava
Experiência feita pela aluna Lahra da turma do 5º ano da tarde  na aula de Ciências.
  • óleo de cozinha - pode ser qualquer um
  • uma jarra de vidro ou  plástico transparente
  • água
  • um comprimido efervescente.
            O segredo é misturar bastante óleo com um pouco de água. Depois de colocar tudo em um pote bem alto, para dar um efeito visual legal, basta jogar um comprimido efervescente na mistura.
            O comprimido irá descer pelo óleo — que ficará por cima porque é mais leve — até alcançar a água, onde começará a soltar gás carbônico. A água irá “pegar uma carona” nesse gás, subindo como boa lâmpada de lava.
            Quando a água chega em cima, porém, o gás é liberado, e ela volta lá para baixo, provocando uma espécie de chuva dentro do óleo.
            A primeira explicação que podemos retirar deste experimento é sobre a densidade. O que é menos denso boia. O que é mais denso afunda. O óleo é menos denso do que a água. Por mais que misturemos ele sempre volta a ocupar a parte de cima e a água a parte de baixo.
            A segunda explicação diz respeito ao gás carbônico. Quando jogamos o anti-ácido ele afunda por ser mais denso do que a água e o óleo. Sua efervescência gera gás carbônico. O gás carbônico sobe, pois é menos denso que as outras substâncias. A água só sobe porque o gás carbônico a carrega como uma boia. Ao chegar à superfície, o gás carbônico é liberado no ar e a água volta para baixo


PROVANDO A EXISTÊNCIA DO AR
Experiência feita pela aluna Nicole na aula de ciências da turma do 5º ano da tarde
            O ar está presente em todo lugar sobre a superfície da Terra. Ele ocupa praticamente todo o espaço próximo e ao redor da terra que não esteja preenchido por líquido, sólido ou outros gases. Ele é importante para a manutenção da maioria das formas de vidas, tanto animais quanto vegetais.

            Devemos entender as propriedades dessa substância que não podemos ver, mas que é vital para nossa sobrevivência. Sabemos e podemos facilmente demonstrar que o ar pode ser sentido, ocupa espaço, tem peso, exerce pressão e pode se expandir.
            Material:
- Um copo de material transparente (de vidro);
- Pedaços de papel amassados;
- Um recipiente com água (jarra plástica);
            Procedimentos:
1. Encha o recipiente com água. 
2. Pegue o copo e coloque o papel amassado no fundo dele.
3. Com cuidado, pegue o copo e mergulhe-o de cabeça para baixo na água bem devagar, até no fundo do recipiente, em posição vertical.
4. Segure o copo nessa posição por um tempo - 1 ou 2 minutos, por exemplo.
5. Retire o copo da água, tomando o cuidado de mantê-lo sempre alinhado na vertical.
            O resultado foi que  não molhou o papel dentro do copo quando foi  mergulhado de cabeça para baixo na jarra com água, a conclusão é que  ao retirá-lo, o papel continuava seco.A água não entrou no copo porque ele está cheio de ar! E, dois corpos (a água e o ar) não ocupam o mesmo lugar ao mesmo tempo.



















Visita a E.T.A. (Estação de Tratamento de Água)

Na tarde do dia 07 de julho, os alunos da turma do 5º ano da tarde da escola, juntamente com a professora Tania Mallmann, fizeram uma visita a CORSAN de nossa cidade para visualizar, questionar e entender todo o processo de limpeza e tratamento da água de nossa cidade.

            Os alunos fizeram vários questionamentos ao funcionário que coordenou o trabalho. Após o retorno para a escola, os mesmos fizeram um relatório sobre a visitação, o qual segue abaixo:








terça-feira, 4 de julho de 2017

Dia Mundial do Meio Ambiente - 5º Ano Tarde

O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado todo dia 5 de junho de cada ano. Esta data foi estabelecida pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 15 de dezembro de 1972, durante a Conferência de Estocolmo, que tratou do tema Ambiente. Foi durante esta conferência que foi aprovada também o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente. 
         A criação desta data teve como objetivo principal a conscientização da população mundial sobre os temas ambientais, principalmente, aqueles que dizem respeito à preservação. Desta forma, a ONU procurou ampliar a atuação política e social voltada para os temas ambientais. Era intenção da ONU também, transformar as pessoas em agentes ativos da preservação e valorização do meio ambiente.
         Esta data é muito importante nas escolas, pois os alunos, em estágio de formação, podem desenvolver uma consciência ambiental que é fundamental para o futuro do planeta.
         Foram desenvolvidas várias atividades em sala de aula, sobre este tema com a turma do 5º ano da tarde da escola, como: leituras de textos informativos, interpretação de textos e questionamentos, produção textual, palavras cruzadas, produção de frases, pinturas e desenhos.
(Texto da profª Tania  Mallmann)
         Foram selecionadas algumas frases criadas pelos alunos:

                                                                                               





O uso e o consumo da água na família - 5º Ano tarde

O consumo médio diário de uma pessoa (consumo per capita) é calculado pelo consumo total de água dentro de um município, estado ou país, dividido pelo número total de pessoas abastecidas nesta mesma área. Assim, o consumo médio diário por pessoa é de 170 litros para um padrão típico de país industrializado.
         Não dá para viver sem água, não é? Ela faz parte do nosso dia-a-dia e mesmo que não percebamos, ela está presente na maior parte de nossos afazeres. Seja para escovar os dentes e lavar a louça ou até mesmo para cozinhar e brincar, ela é indispensável para manter o nosso corpo funcionando adequadamente. Como é um recurso tão indispensável, seu uso precisa ser racional.
         Refletindo sobre este assunto, foi solicitado aos alunos do 5º ano da tarde da escola, que fizessem uma pesquisa no recibo de água em suas casas, coletando os dados de consumo mensal em m³ da família, para após confeccionarem um gráfico do consumo em m³ (metros cúbicos), o qual pode ser observado vários questionamentos feitos através dos dados do gráfico.
         O objetivo do trabalho foi: A redução do consumo de água, além de garantir a manutenção das reservas existentes para as gerações futuras, ainda pode representar um grande desconto em sua fatura mensal.
  (Texto profª Tania Mallmann)
         Abaixo veja alguns gráficos que os alunos fizeram:





                                                                                                    

Educação Fiscal - Prof Magnólia

PROJETO EDUCAÇÃO FISCAL

1 - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO
ESCOLA- Escola Municipal de Ensino Fundamental Rotermund
ALUNOS: 6º ao 9º anos         TURNO: Tarde            ANO: 2017
PROFESSORA : Magnólia M. V. Faccin
DISCIPLINA: Matemática

2 - JUSTIFICATIVA
Consideramos que a Educação Fiscal é uma ferramenta que permite estimular a conscientização para a cidadania, onde alunos, pais, professores e agentes educacionais possam perceber a importância do seu papel na busca por uma sociedade justa. A transversalidade com todas as áreas do conhecimento nos permite conhecer mais sobre os impostos que pagamos ao estado, além de ensinar a cobrar o retorno em melhores políticas públicas.
A escola é o espaço de desenvolvimento da criança e do adolescente sobre a compreensão da sua realidade e como agir no meio em que vive de modo crítico e participativo, enfim, consciente do seu papel. Neste sentido, justifica-se esta proposta de trabalho, acreditando ser a escola, o caminho, na busca por um mundo melhor.

3- DURAÇÃO DO PROJETO- Durante todo o ano letivo.

4- OBJETIVO GERAL:
Proporcionar aprendizagens que permitam o conhecimento sobre a Educação Fiscal e sua relação com a cidadania, estimulando a conscientização e a participação ativa de todos os envolvidos no processo educativo, tornando o cidadão consciente da importância da sua contribuição, quedeverá ser entendida e vista como investimento para o bem comum.

5 – OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
Ø    Sensibilizar o aluno para a conservação do bem comum como forma de exercício da cidadania, motivando a toda comunidade escolar em diferentes ações de cidadania;
Ø    Perceber o valor do dinheiro e suas possibilidades;
Ø    Formar cidadãos capazes de compreender a função social dos tributos;
Ø    Entender a importância de acompanhar a aplicação dos recursos públicos;
Ø    Estimular a conscientização de nossos educandos sobre a importância de cuidarmos do meio ambiente para uma melhor qualidade de vida;
Ø     Desenvolver atividades que estimulem o entendimento da comunidade escolar sobre a importância do voto consciente;
Ø    Perceber os direitos e deveres dos cidadãos, bem como a obrigação de todos em fiscalizar a aplicação das verbas;
Ø    Proporcionar momentos de vivência e estimulação em relação ao respeito com o outro, solidariedade, fraternidade, enfim, sentimentos pertencentes à sociedade;
Ø    Envolver todos os componentes da instituição de educação no dever em contribuir para o bem comum de toda a cidade;
Ø    Verificar como tem se dado a utilização destes investimentos na sociedade.

6 - CONTEÚDOS QUE SERÃO DESENVOLVIDOS:
Ø    Leitura da história: “A ideia da raposa”;
Ø    Sistema monetário, preços das mercadorias;
Ø    Porcentagem;
Ø    Analise e resolução de problemas do dia-dia (observação de notas fiscais, recibos de luz e de água, calcular os impostos pagos por produtos);
Ø    Compreensão dos assuntos relacionados à Educação Fiscal;
Ø    Comunicação interpessoal;
Ø    Expressão de ideias;
Ø    Tributos X Investimento em saneamento básico;
Ø    Origem histórica dos tributos;
Ø    Importância do trabalho na vida do cidadão;
Ø    Tipos de cargas tributarias que temos em nosso país;
Ø    Leitura e interpretação de histórias sobre educação fiscal, cidadania, consumo e outros envolvendo o assunto do projeto.

7 – ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS:
Ø    Apresentação do Projeto para os alunos;
Ø    Slides e vídeos sobre Educação Fiscal,origem dos tributos, história dos tributos;
Ø    Trabalho com Nota fiscal – observar os tributos pagos;
Ø    Montagem de livrinho : A história da raposa;
Ø    Jogos, cruzadinhas, mensagem secreta e textos com interpretação;
Ø    Leitura de livros do autor Alvaro Modernell sobre Educação Financeira e de Crônicas de Julio Emilio Braz;
Ø    Filme Hobin Hood, o príncipe dos ladrões;
Ø    Jogo da trilha dos tributos;
Ø    Desenho para onde vai o nosso dinheiro? (Expor no mural).

8 – AVALIAÇÃO:

A avaliação deste projeto acontecerá em todos os momentos, durante o processo de execução do mesmo, tendo em vista: a observação, a participação, e a motivação dos envolvidos.

Educação Fiscal - Profe Adenise

A professora Adenise, em suas aulas de História nas turmas do 7° e 8° anos – turno da manhã organizou algumas atividades sobre Educação Fiscal, dentre elas a seguinte:
è    Com base no texto “Educação Fiscal, uma Lição de Cidadania” e no vídeo “Tributos: que história é essa?” da TVESCOLA, disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=VUcDz_twyeo, os alunos produziram um texto sobre a corrupção do nosso país, englobando a fiscalização por parte do povo e o que poderia ser feito para melhorar este cenário.

EDUCAÇÃO FISCAL, UMA LIÇÃO DE CIDADANIA

O tributo tem participação importante na evolução da humanidade. O contexto histórico do tributo perpassa os tempos desde a pré-história, onde os guerreiros mais fortes recebiam seus tributos em forma de presentes, até os dias atuais onde o capitalismo adquire forma plena, se sobrepondo ao feudalismo.
A fiscalização como dever do consumidor, propondo uma questão de cidadania é o principal fio condutor na persistência dos quesitos que se opõem à sonegação e à má distribuição dos tributos arrecadados.
Exigir nota fiscal ainda é a melhor maneira de fiscalizar e garantir o repasse correto das verbas aos cofres públicos. Essa é a garantia de termos uma saúde de qualidade, uma educação formadora e emancipadora, enfim, uma qualidade de vida digna, embasada em valores morais e éticos, formados a partir de uma sociedade consciente e virtuosa.
Seguem algumas frases relacionadas a educação fiscal:
·                Não há progresso sem a colaboração de todos.
·                A mudança por um país mais ético começa em cada um de nós.
·                Tudo o que você não puder contar como fez, NÃO FAÇA.
·                A corrupção começa quando desrespeitamos as regras.
Somos nós os cidadãos, os principais agentes formadores e difusores da cidadania, onde cada um é responsável em manter e garantir o pleno desenvolvimento da sociedade.

Educação Fiscal I

O Projeto deste ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Rotermund, titulado: “ATITUDES POSITIVAS PARA UMA BOA CONVIVENCIA”, com o tema: Educação – Saúde – Cidadania, visa a valorização do ser humano, resgatando a importância das virtudes, como tendência para o bem, que devem ser ensinadas e partilhadas desde a mais tenra idade, levando à construção de ambientes favoráveis à saúde, a boa educação, a cidadania e a autonomia.
Dentro do Projeto, vem sendo trabalhada a Educação Fiscal, considerada um dos meios para conscientizar o cidadão sobre o seu papel social, fazendo-o conhecer e compreender a função socioeconômica do tributo, a correta alocação dos recursos públicos, a estrutura e funcionamento de uma administração pública pautada por princípios éticos e a busca de estratégias e meios para o exercício do controle democrático.
A escola Rotermund, com o objetivo de formar cidadãos críticos e atuantes, conscientes de seu dever de cumprir as obrigações tributárias exercendo o direito de acompanhar a destinação dos recursos provenientes dos tributos arrecadados, através do tema Educação Fiscal, vem realizando vários trabalhos com os alunos em sala de aula, os quais englobam a definição dos tributos, como são instituídos, cobrados, arrecadados e aplicados. São desenvolvidas atividades de leitura crítica e de interpretação de textos, elaboração de cartazes e livros, dramatizações, histórias em quadrinho e vídeos que levam à reflexão do aluno sobre a importância da participação do cidadão nas ações da administração pública visando tornar mais eficientes os serviços públicos. São realizadas enquetes familiares com questões sobre a nota fiscal e os impostos. Também envolvendo o tema são realizados cálculos matemáticos adequados a cada turma.  Os alunos são incentivados a pedir notas fiscais ao efetuarem compras no comercio local e conscientizados da importância dessa ação. Na escola é feita a arrecadação de notas fiscais pelos alunos numa caixa coletora.
A Educação Fiscal na prática educacional deve ser vivenciada em todas as disciplinas oferecendo uma oportunidade aos alunos de praticarem atitudes cidadãs tão necessárias nos dias de hoje. Sendo assim, o trabalho de Educação Fiscal se justifica pelo fato de a escola ser um local de construção de possibilidades que viabilizam a compreensão da realidade e a formação de cidadãos atuantes no meio em que vivem. Espera-se que este trabalho venha contribuir de forma positiva destacando o desempenho do cidadão na sociedade, evidenciando seu papel como agente de transformação do meio em que vive através de uma atuação consciente e eficaz.







Projeto de Liderança

Durante o mês de junho, nossa escola esteve representada pela Pedagoga Claudia Koch e pelas alunas Laura Paulata e Karina Klafke no 7° Curso Regional de Capacitação de Liderança Solidária organizado pela FAHOR e CFJL. Como atividade conclusiva do curso, as representantes tiveram que organizar um projeto de liderança na escola, onde deveriam encontrar uma dificuldade, um problema, uma necessidade da escola que poderiam resolver, solucionar, auxiliar a escola ser melhor.A partir disso elaborar um projeto destacando a realidade escolhida destacando qual é a dificuldade e qual é a solução encontrada.
O projeto elaborado foi o seguinte:
Projeto Escolar – Cobertura da Quadra de Esportes
Escola Municipal de Ensino Fundamental Rotermund - Crissiumal/RS

Diagnóstico: A Escola Municipal de Ensino Fundamental Rotermund  desenvolve importante trabalho no cenário educacional do município e, mais especificamente, tem tido grande reconhecimento nas práticas de atividades esportivas, tanto em âmbito municipal quanto regional. Para incentivar e aperfeiçoar ainda mais tais práticas esportivas, uma demanda necessária e urgente, de extrema importância para a comunidade escolar, é disponibilizar um espaço próprio eficiente que possa ser utilizado independentemente de condições climáticas e que seja acessível a qualquer tempo a todos os alunos. Há anos que se vem lutando para concretizar esse projeto, porém, como o prédio é locado, não se pode investir dinheiro público. Nesse sentido, esse Projeto visa encontrar soluções práticas para o problema da falta de verba financeira, mobilizando ações entre a equipe diretiva da Escola, Locatário do Prédio, Comunidade Escolar e Administração Municipal, onde serão avaliadas conjuntamente as condições de disponibilização de verbas de cada ente participante.

Missão: A Escola Municipal de Ensino Fundamental Rotermund é referência educacional há 20 anos em nosso município de Crissiumal, sendo que tradicionalmente é reconhecida por oferecer educação de qualidade indiscutível. Não diferente disso, o esporte tem ganhado destaque a vários níveis, tanto é que cada vez mais, os alunos precocemente se interessam por tais práticas esportivas, desenvolvendo, além da saúde física, o senso de equipe, liderança, companheirismo, responsabilidade e muitos outros benefícios para a formação sadia da personalidade do aluno. Para tanto, propiciar um ambiente favorável para desenvolver tais práticas, com a construção de uma cobertura para a quadra de esportes, é apontada pela comunidade escolar como uma necessidade básica e muito relevante, a fim de que as práticas esportivas da Escola continuem desempenhando esse papel social fundamental.

Objetivos Estratégicos: Concentrar todos os esforços a fim de arrecadar em um curto prazo a verba financeira necessária para realizar a construção da cobertura da quadra de esportes.

Plano de Ação: Com o envolvimento de todos os setores responsáveis pelo funcionamento da Escola Municipal de Ensino Fundamental Rotermund, será realizada a pesquisa de preços para a construção de um telhado específico para a cobertura da quadra esportiva, de material adequado e durável, que poderá ser definido em reuniões prévias com os interessados. Será mobilizado o Poder Público Municipal, a equipe diretiva da Escola, o Circulo de Pais e Mestres e um representante da Comunidade Evangélica Trindade, que é proprietária do imóvel. A partir dessa mobilização serão avaliadas as possibilidades financeiras de cada setor envolvido, bem como serão estudadas possibilidades de realização de eventos beneficentes a nível municipal para aumentar a arrecadação de verbas. O preço da obra será obtido através de pesquisas de mercado e será nomeada uma comissão que ficará responsável por obter todas as informações de preço, através da obtenção de diversos orçamentos.

Conclusão: A partir do Diagnóstico, Missão, Objetivos Estratégicos e o Plano de Ação, será possível caminhar entre o real e o ideal, onde os alunos possam desfrutar de uma quadra coberta junto ao pátio da Escola, sem que precisem deslocar-se até outro ambiente para terem acesso às práticas esportivas ou até mesmo, para que não fiquem sem essas atividades quando ocorrem adversidades meteorológicas. Ainda, a quadra coberta também servirá como local de realização de eventos escolares com grande capacidade de público e no dia-a-dia, e ainda poderá ser utilizado durante o intervalo das aulas. Afinal, “a subida pode ser difícil, mas a vista vale a pena...”




quinta-feira, 29 de junho de 2017

FESTA JUNINA

Segue o link para conferir todas as fotos da Festa Junina deste ano: https://goo.gl/photos/t27G3YtDYiD6EZWZ7








Ajude o personagem a cumprir os trajetos propostos, colocando em prática seus conhecimentos!

Ajude o personagem a cumprir os trajetos propostos, colocando em prática seus conhecimentos!
Daqui prá la, de lá pra cá

Que tal navegar na interpretação:

Drumond e o jogo da pedra

Dica: Game Livros! para séries finais:
Este site disponibiliza jogos super divertidos das obras da Literatura Brasileira: Dom Casmurro, O Cortiço e Memórias de um Sargento de Milicias:
Divirta-se e aprenda!
http://www.livroegame.com.br


Um jogo divertido e desafiador:

Jogo para estimular o cálculo mental:

Prove que você é fera em história

Jogo da Literatura:

Jogo da Literatura:
Avalie os seus conhecimentos sobre 25 clássicos da Literatura

Game da Reforma Ortográfica

Game da Reforma Ortográfica
Uma maneira divertida e interativa para você aprender mais sobre a Reforma Ortográfica da Língua portuguesa
Conheces bem os livros?

Conheces bem os livros?

Instruções:
Para resolveres as cruzadas clica em cada um dos números, e escreve a tua resposta na caixa à frente da definição.
Clica em "Inserir" para colocares a resposta na quadrícula. (podes pedir uma letra clicando no botão "Pista", mas vais perder pontos...)
Quando terminares, clica no botão "Verificar" e verás quais foram as respostas correctas.

  1        2    3     
 4              
      5         
6               
             
  7             
 8             9   
10               
             
   11        12      
             
13          14       
             
     15          

Pra quem curte Vôlei:(click na imagem)

Pra quem curte Vôlei:(click na imagem)
Infográfico do Comitê Olímpico Brasileiro, mostrando passo a passo do voleibol desde o objetivo do jogo, a quadra, a rede, as antenas, a bola, a arbritragem, algumas regras, o fundamentos e o jogo.

Conheça mais sobre o Basquete:

Atletismo

Atletismo
(Click e conheça mais sobre esta modalidade

Um jogo pra profe:Jogo da Memória Pensadores da educação: